Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

México captura holandês suposto líder de organização pedófila

20:57 | Jun. 06, 2022
Autor AFP
Tipo Notícia

As autoridades mexicanas prenderam um cidadão holandês, identificado como Nelson "N", acusado de ser o suposto líder de uma organização internacional de pedofilia, informou a promotora da Cidade do México, Ernestina Godoy, nesta segunda-feira (6).

Godoy explicou que o indivíduo foi capturado "em flagrante delito" e que é o "possível líder de uma associação internacional de pedófilos criada em 1982".

A prisão é resultado de uma "ampla investigação" da promotoria em colaboração com a ONG Operation Underground Railroad (OUR), disse Godoy em um vídeo postado nas redes sociais.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

A ONG, dedicada ao combate à exploração sexual infantil, denunciou às autoridades a presença do holandês no México.

A OUR "tinha informações de que Nelson 'N' estava em nosso país, possivelmente para expandir sua rede de tráfico humano e pornografia infantil", explicou a promotora.

A investigação descobriu seu "modus operandi e localização" e possibilitou apurar suas rotinas, visando entrar em contato com outros possíveis pedófilos.

"Foi realizada uma operação secreta que permitiu que ele fosse detido em flagrante delito" em uma estação de transporte público perto do Bosque de Chapultepec, acrescentou Godoy.

Após a prisão do suspeito, as autoridades fizeram buscas em sua suposta casa, na zona norte da cidade, onde foram encontradas fotografias com pornografia infantil, computadores, discos rígidos, cartões de memória e dois passaportes holandeses.

De acordo com a investigação, a associação chefiada por Nelson "N" era uma das maiores de seu país até que em 2014 foi considerada ilegal pelo Supremo Tribunal da Holanda.

O suspeito também havia promovido entre 2014 e 2021 diversas publicações nas redes sociais que defendiam a legalização do sexo com crianças.

Nelson "N" foi preso várias vezes na Holanda, disse o promotor, mas estava foragido desde pelo menos fevereiro deste ano.

jla/dl/am

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar