Participamos do

Mbappé diz que ficou no PSG pelo "projeto esportivo"

15:14 | Mai. 23, 2022
Autor AFP
Tipo Notícia

"Pedra fundamental" do futuro do Paris Saint-Germain, o atacante francês Kylian Mbappé explicou nesta segunda-feira que renovou seu contrato até 2025 pelo projeto esportivo do clube parisiense, prometendo não interferir nas decisões da diretoria.

Depois de anunciar no sábado a renovação, o PSG quis esclarecer as coisas em um anfiteatro cheio no Parque dos Príncipes, com centenas de jornalistas de todo o mundo, em um epílogo desta longa novela.

"Esta decisão é um sinal muito forte, mantivemos o melhor jogador do mundo", disse o presidente do clube, Nasser Al-Khelaifi, ao início da esperada entrevista.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

"Hoje é um grande dia para o PSG, para nossos torcedores na França e no mundo todo: Kylian continua no PSG pelas próximas três temporadas. É importante para nós e para Ligue 1".

Muito sorridente, acompanhado de sua família e de seu entorno, Mbappé parecia saborear o fim deste período de incertezas. "Uma decisão difícil", reconheceu, afirmando que "sempre quis me refugiar no meu futebol".

Depois da entrevista coletiva, Mbappé foi à explanada do Parque dos Príncipes para estar com os torcedores e saudar o público.

Pretendido pelo Real Madrid há meses, o jogador disse que decidiu ficar na capital francesa por motivos puramente esportivos, para "levar a França ao topo", e não por razões financeiras.

"O projeto (do PSG) mudou. O clube quer mudar muitas coisas no plano esportivo, e isso me motiva a continuar, já que acredito que minha história aqui não terminou", afirmou.

Por outro lado, Mbappé quis "agradecer" aos torcedores do Real Madrid. "Me aceitaram sempre como um dos seus, tenho que ser grato. Espero que compreendam que escolhi ficar no meu país. Sou francês, e como francês quero continuar um pouco, levar a França ao topo e dar títulos a este campeonato e a este clube", explicou.

O atacante também reconheceu que escolheu não aceitar a proposta do clube espanhol para ser a "pedra fundamental do projeto" do PSG, uma fórmula já usada por Al-Khelaifi.

Campeão do mundo pela seleção francesa em 2018, Mbappé disse que queria garantias para permanecer, as quais visivelmente obteve. O primeiro detalhe foi a demissão do diretor esportivo Leonardo pouco depois do anúncio da renovação com o jogador.

No entanto, o atacante negou que irá interferir nas decisões esportivas do clube, já que nem será o capitão do time, posto ocupado pelo zagueiro brasileiro Marquinhos.

"Continuo sendo um jogador de futebol, dentro de um coletivo. Não irei além desta função, nem irei além da minha função de jogador", disse Mbappé.

E o presidente Nasser confirmou essas palavras: "O que Kylian quer é ganhar".

"É um jogador importante, o melhor jogador do mundo, mas nós, como clube, decidimos o que queremos fazer", afirmou o dirigente.

"O projeto esportivo é importante para todos os jogadores. Kylian nunca pediu nada, quer ganhar, como todos nós, e isso é bom".

Nunca uma entrevista coletiva havia suscitado tanta curiosidade desde a chegada de Lionel Messi, apresentado em Paris no ano passado. Salvo que, na época, o PSG tinha um diretor esportivo no cargo e um treinador projetado para os próximos desafios.

Nasser Al-Kelaifi não deu indícios sobre as próximas decisões sobre o projeto do clube: o treinador Mauricio Pochettino, com contrato até 2023, mas questionado, será substituído? Quem sucederá Leonardo?

Resta saber quem seria o próximo treinador entre os nomes especulados pela imprensa (Zinedine Zidane, Thiago Motta, Roberto Martínez, Antonio Conte, Christophe Galtier) e como será montado o elenco, com a questão da possível saída de jogadores que chegaram com salários altos e não corresponderam (Draxler, Kurzawa, Icardi, Herrera, Rico...).

ah-ama-jed/ll/gf/psr/iga/cb

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar