Participamos do

Nova denúncia na Argentina contra jogador colombiano Sebastián Villa por abuso sexual

18:21 | Mai. 13, 2022
Autor AFP
Tipo Notícia

O jogador colombiano do Boca Juniors, Sebastián Villa, que enfrenta um caso de violência de gênero contra uma ex-namorada desde 2020, foi denunciado por uma jovem por abuso sexual agravado e privação de liberdade, informou seu advogado nesta sexta-feira.

A denúncia se refere a um fato ocorrido em 26 de junho do ano passado, mas a jovem não o registrou antes por medo, disse Roberto Castillo, seu advogado.

"Em princípio, o fato se enquadraria em um abuso sexual com contato carnal, agravado pelas lesões, e contestado com uma privação ilegítima de liberdade", disse o advogado ao canal C5N.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

No relato "se vê uma subjugação e uma asfixia típica do comportamento que ocorre para o abuso, então a promotoria terá que determinar se houve tentativa de homicídio", acrescentou.

O episódio denunciado ocorreu uma noite após retornar de um jantar na casa de um amigo, quando o jogador de 25 anos, embriagado, teria agredido a namorada a quem acusou de traí-lo.

"Nós estávamos na cama porque íamos dormir como uma noite normal. Sebastian tinha bebido mais do que uma garrafa de uísque. Ele estava me acariciando no rosto, quando de repente ele ficou violento, apertou minha mandíbula e minha nuca, me deu um tapa na cara e falou 'você gostou dos meus colegas?'", descreveu a mulher em sua denúncia.

No relato, a cena do estupro foi detalhada. "Terminado o abuso sexual, comecei a chorar incontrolavelmente e implorei para que ele me soltasse, ao que ele me disse que não poderia desistir até que eu me acalmasse", disse a denunciante.

Ele garantiu que o jogador lhe ofereceu 5.000 dólares para impedi-la de fazer a denúncia. No dia seguinte, a mulher foi atendida em um hospital público de Buenos Aires, onde foi recomendada a apresentar queixa, mas ela não o fez por medo, segundo seu advogado.

Em 2020, o jogador havia sido denunciado por sua então namorada Daniela Cortés, também colombiana, por abuso físico e psicológico. O caso segue em aberto.

A nova acusação surge no momento em que Villa vive seu melhor momento futebolístico no Boca Juniors, onde joga desde julho de 2018 com contrato até 2023.

Villa chegou ao seu quinto gol do ano com a camisa do time argentina na terça-feira ao marcar um dos dois gols (2 a 0) que deram ao Boca a vaga nas semifinais da Copa da Liga Argentina, torneio em que enfrentará o Racing neste sábado.

Até agora, o clube 'xeneize' não se pronunciou sobre a reclamação e nem anunciou se o atacante será relacionado para esta partida importante.

ls/sa/aam

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar