Participamos do

Reino Unido vai 'agir', se protocolo norte-irlandês não mudar, adverte chanceler

08:10 | Mai. 12, 2022
Autor AFP
Tipo Notícia

O governo britânico advertiu nesta quinta-feira (12) que "não terá outra opção a não ser agir" unilateralmente, se a União Europeia (UE) não mostrar a "flexibilidade necessária" para modificar os acordos aduaneiros pós-Brexit na Irlanda do Norte, hoje politicamente paralisada pelos unionistas.

Em uma conversa por telefone com o vice-presidente da Comissão Europeia, Maros Sefcovic, a ministra britânica das Relações Exteriores, Liz Truss, defendeu que "a situação na Irlanda do Norte é uma questão de paz e segurança interna para o Reino Unido", informou seu ministério em um comunicado.

"Se a UE não mostrar a flexibilidade necessária para ajudar a resolver estas questões, então, como governo responsável, não teremos outra opção a não ser agir", acrescentou.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

O governo de Boris Johnson quer renegociar em profundidade o chamado "protocolo da Irlanda do Norte", assinado com Bruxelas quando o Reino Unido deixou a UE. As autoridades do bloco europeu estão dispostas, porém, a fazer apenas "ajustes".

Se as negociações, iniciadas há meses, não avançarem, Londres ameaça suspender unilateralmente parte do texto. Esta medida pode desencadear graves retaliações comerciais da UE.

mpa-acc/mar/tt

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar