Participamos do

MP francês investiga presidente da Interpol por denúncia sobre torturas

16:41 | Mar. 24, 2022
Autor AFP
Tipo Notícia

O Ministério Público Antiterrorista (PNAT) abriu uma investigação preliminar por "tortura" e atos de "barbárie" contra o emiradense Ahmed Nasser Al-Raisi, presidente da Interpol desde novembro, informou à AFP uma fonte judicial nesta quinta-feira (24).

A ONG Gulf Center for Human Rights (GCHR) considera que Al-Raisi, durante sua passagem como alto funcionário do ministério do Interior dos Emirados, foi um dos responsáveis pelas torturas contra o opositor emiradense, Ahmed Mansoor.

A ONG apresentou em janeiro uma denúncia contra a organização em janeiro no PNAT, competente em temas de crimes contra a humanidade.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

gd/cb/cal/mb/an/mvv

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Leia Mais.

Aceitar