Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

Forças russas entram na área da central nuclear ucraniana de Zaporizhia

06:00 | Mar. 04, 2022
Autor AFP
Tipo Notícia

As tropas russas ocupam a área da central nuclear ucraniana de Zaporizhia, que foi alvo de ataques durante a noite, informou a agência de inspeção de usinas atômicas da Ucrânia, que informou não ter detectado um vazamento radioativo.

Zaporizhia, a maior central nuclear da Europa, fica 150 quilômetros ao norte da península da Crimeia. De acordo com o governo de Kiev, projéteis russos que atingiram a usina nas primeiras horas da sexta-feira provocaram um incêndio em um edifício e um laboratório.

As equipes de emergência conseguiram controlar as chamas.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

"O território da central nuclear de Zaporizhia está ocupado pelas Forças Armadas da Federação Russa", afirmou a agência estatal ucraniana.

"Não foram registradas mudanças no nível de radiação", completou.

A agência informou ainda que "funcionários operacionais controlam os blocos de energia e garantem seu funcionamento de acordo com as exigências das regulamentações técnicas e de segurança".

Inspeções estão sendo organizadas para entender os danos com precisão.

Dos seis blocos, o primeiro está fora de operação, os número 2, 3, 5 e 6 estão em processo de resfriamento e o 4 permanece operacional.

A agência não informou qual era a situação dos blocos antes do ataque.

"A segurança nuclear está garantida agora", afirmou durante a noite Oleksander Starukh, diretor da administração militar da região de Zaporizhia. O ataque não provocou vítima, informaram as equipes de emergência ucranianas no Facebook.

bur/pz/mar/es/fp

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar