Logo O POVO+

Jornalismo, cultura e histórias em um só multistreaming.

Participamos do

Agências Fitch e Moody's consideram a dívida russa investimento especulativo

06:15 | Mar. 03, 2022
Autor AFP
Tipo Notícia

As agências de classificação financeira Fitch e Moody's reduziram a nota da Rússia para a categoria de país em risco de não conseguir pagar sua dívida, no contexto da invasão à Ucrânia.

A Moody's rebaixou a nota da dívida russa de longo prazo de Baa3 para B3 e afirmou que observa as sanções impostas pelos países ocidentais à Rússia.

A Fitch reduziu a nota de BBB para B, com perspectiva negativa.

Seja assinante O POVO+

Tenha acesso a todos os conteúdos exclusivos, colunistas, acessos ilimitados e descontos em lojas, farmácias e muito mais.

Assine

As avaliações posicionam a dívida da Rússia na categoria de investimento especulativo.

"A redução em vários níveis da nota da Rússia e a manutenção de uma vigilância (...) foram provocadas pelas severas sanções que os países ocidentais impuseram à Rússia", especialmente contra o Banco Central e as grandes instituições financeiras, em resposta à invasão militar da Ucrânia, afirma a Moody's em comunicado.

A agência de classificação financeira cita um "risco crescente de perturbação" no que diz respeito ao pagamento da dívida russa devido às "sanções coordenadas" e as "grandes preocupações sobre a disposição da Rússia" de honrar sua dívida.

A Fitch prevê, por sua vez, que sanções mais severas serão adotadas contra os bancos russos. A agência afirma que, em caso de prolongamento do conflito, em um contexto de frágil crescimento econômico, o risco de instabilidade política será maior na Rússia.

mdz/jbo/er/zm/mas-me/mar/zm/fp

Dúvidas, Críticas e Sugestões? Fale com a gente

Tags

Os cookies nos ajudam a administrar este site. Ao usar nosso site, você concorda com nosso uso de cookies. Política de privacidade

Aceitar