PUBLICIDADE
Mundo
NOTÍCIA

Chevron envia funcionários de volta ao Golfo do México após furacão Delta

16:21 | 11/10/2020

A Chevron informou em comunicado que começou a enviar trabalhadores de volta a plataformas de petróleo localizadas no Golfo do México que foram fechadas por conta da passagem do furacão Delta pela região. Entretanto, os terminais de Empire e Fourchon seguem fechados, de acordo com a companhia, assim como os sistemas de transporte relacionados a eles.

"Em todas as nossas instalações terrestres, estamos dedicando atenção próximo às previsões e à trajetória do sistema", afirmou a empresa. De acordo com informações da agência de notícias Reuters, empresas como a BHP e a Royal Dutch Shell também estão enviando funcionários de volta às plataformas.

Boa parte da capacidade de produção da região permanece fechada. De acordo com dados deste domingo do Bureau of Safety and Enviromental Enforcement (BSEE), órgão do governo americano que fiscaliza a produção marítima de petróleo, 91,01% da produção americana do Golfo do México permanece fechada. No caso da produção de gás natural, o fechamento afeta a 62,15% da capacidade.

De acordo com o BSEE, 198 plataformas foram esvaziadas. Após a passagem completa do furacão, as instalações serão inspecionadas para detectar possíveis danos estruturais, e só depois disso é que a produção será restaurada.

Segundo dados do Centro Nacional de Furacões, fragmentos do Delta estavam sobre os Estados do Alabama e do Tenessee, ao sul dos EUA, na manhã deste domingo, com a possibilidade de provocar fortes chuvas na região.