PUBLICIDADE
Mundo
NOTÍCIA

Primeiro- ministro do Reino Unido, Boris Johnson, anuncia nascimento de filho

Johnson, 55 anos, foi hospitalizado no início do mês devido ao coronavírus e Symonds, 32 anos, também afirmou que sofreu os sintomas da doença nas últimas semanas da gravidez

08:34 | 29/04/2020
PARTIDO Conservador, liderado por Boris Johnson obteve maioria nas eleições para o Parlamento britânico
PARTIDO Conservador, liderado por Boris Johnson obteve maioria nas eleições para o Parlamento britânico (Foto: BEN STANSALL / AFP)

A companheira do primeiro-ministro britânico Boris Johnson, Carrie Symonds, deu à luz a um menino, anunciou nesta quarta-feira o porta-voz do chefe de Governo, ao destacar que o bebê tem "boa saúde".O menino "nasceu em um hospital de Londres esta manhã e está muito bem", assim como a mãe, afirmou o porta-voz, em um anúncio que surpreendeu o país, já que o parto estava previsto para daqui a alguns meses.

Johnson, 55 anos, foi hospitalizado no início do mês devido ao coronavírus e Symonds, 32 anos, também afirmou que sofreu os sintomas da doença nas últimas semanas da gravidez. Os dois anunciaram em 29 de fevereiro que esperavam o bebê "para o início do verão" (hemisfério norte, inverno no Brasil) e que se casariam em breve.

Casado duas vezes e separado da segunda esposa desde 2018, Johnson anunciou publicamente o relacionamento com Symonds no início de 2019, antes de virar o líder do Partido Conservador e primeiro-ministro. Johnson tem quatro filhos com a segunda esposa, Marina Wheeler, e sua filha mais velha é apenas cinco anos mais jovem que Carrie Symonds.

O primeiro-ministro tem uma quinta filha, fruto de uma relação extramatrimonial de 2009, e se nega a responder quando é questionado se tem mais filhos. Johnson e Wheeler, uma advogada de renome, alcançaram um acordo econômico para o divórcio, que deve ser concretizado em breve.

Symonds, que já foi consultora de imagem do Partido Conservador, tem sido muito discreta desde que se mudou para Downing Street. Ela também trabalhou na campanha para a reeleição de Johnson à prefeitura de Londres em 2012 e depois foi nomeada diretora de comunicação do Partido Conservador.