PUBLICIDADE
Mundo
Noticia

Atleta retira sozinho jacaré de 90 quilos que invadiu piscina

O resgate durou cerca de 20 minutos e ocorreu pouco depois de Bedard cumprir 19 quilômetros de natação, 1.384 de bicicleta e uma corrida de 209 km no Ironman

15:07 | 23/10/2019
"Eu simplesmente fiz uma captura frontal, coloquei uma armadilha na boca dele e o prendi com fita", descreveu o atleta (Foto: Reprodução/Paul Bedard)

Quando um casal de Parkland, Flórida, nos Estados Unidos, percebeu, na quinta-feira, 17, que tinha recebido a visita inesperada, mas não incomum, de um jacaré em sua piscina, não ligou para os serviços de emergência do 911. Chamou Paul Bedard, integrante do grupo de resgate de jacarés Gator Boys Alligator Rescue. Pouco depois, o homem retirava da piscina o réptil de 90 quilos e três metros de comprimento.

A ação foi toda registrada pelos proprietários e postada nas redes sociais do grupo de Bedard. O homem, que também é atleta de Ironman, afirmou em entrevista à FoxNews que não via um animal daquele porte nas casas do estado desde o ano anterior. "Ele estava calmo quando eu o peguei", afirmou à emissora norte-americana. "Ele não tentou se afastar de mim, ele não veio atrás de mim, ele era muito legal. Ele tem uma personalidade muito suave".

O resgate durou cerca de 20 minutos e ocorreu pouco depois de Bedard cumprir uma prova de Ironman. No desafio, ele fez 19 quilômetros de natação, 1.384 de bicicleta e uma corrida por mais 209 km. "Eu não tinha percebido o quanto minhas pernas estavam ruins até que eu o peguei o jacaré e o carreguei pelas escadas”, explicou ao revelar que o animal só reagiu ao toque quando estava fora da água.

"Eu simplesmente fiz uma captura frontal, coloquei uma armadilha na boca dele e o prendi com fita", escreveu. "Isso finalmente o levou a gastar um pouco de energia. Eu não queria puxá-lo para fora da água até que ele estivesse cansado, porque ele geralmente entraria em um rolamento mortal e se esmagaria no concreto ou, se estiver sem a fita, morderia o concreto ou algo assim. Por isso é sempre melhor fazê-lo gastar essa energia na água, onde não vai se machucar", descreveu na postagem do Instagram.

Segundo Bedard, o proprietário do imóvel afirmou que tinha visto o jacaré nas redondezas - como a cena é relativamente recorrente no estado, não se preocupou. Uma hora depois, o bicho atravessou a tela de proteção e deu um mergulho. Após o resgate, o animal foi devolvido à natureza.