PUBLICIDADE
Mundo
NOTÍCIA

Chefe da Liga Árabe diz que Turquia ameaça conquistas contra EI na Síria

10:36 | 12/10/2019
Akcakale, Turquia, 12/10/2019 - O secretário-geral da Liga Árabe, Ahmed Aboul Gheit, disse neste sábado, 12, em reunião emergencial da organização em sua sede, no Cairo, que a operação militar da Turquia no norte da Síria causou uma nova onda de deslocamento e ameaça conquistas na luta contra o Estado Islâmico.
O encontro, que reúne ministros árabes do Exterior, foi convocado pelo Egito para discutir a ofensiva turca na Síria, que começou na última quarta-feira, 9, e que é considerada pelos egípcios como uma "agressão flagrante" à soberania síria.
Um dos ministros a dar declarações foi Gebran Bassil, do Líbano. Segundo ele, a Liga Árabe deveria readmitir a Síria, suspensa em 2011 após a repressão militar do governo a manifestantes que pediam reformas. "Não podemos mais permitir nenhuma agressão israelense ou turca ou (agressão) de parte alguma contra um estado árabe ou uma população árabe", disse Bassil.
Hoje, o ministério da Defesa turco afirmou que tropas do país tomaram a cidade síria de Ras al-Ayn, próxima à fronteira com a Turquia. No entanto, as Forças Democráticas da Síria (SDF) divulgaram um vídeo em que dois militantes afirmavam ainda estar na cidade (leia mais em nota publicada às 09h22). Fonte: Associated Press.