PUBLICIDADE
Mundo
NOTÍCIA

Oposição aprova retorno da Venezuela a tratado regional para pressionar Maduro

17:00 | 23/07/2019
A Assembleia Nacional aprovou nesta terça-feira o retorno da Venezuela ao Tratado Interamericano de Assistência Recíproca (TIAR) para fortalecer a cooperação com os países vizinhos e elevar a pressão sobre o presidente Nicolás Maduro.
Durante uma sessão em uma praça no leste da capital, o Congresso, controlado pela oposição, aprovou com caráter de urgência a reincorporação da Venezuela ao TIAR. O país abandonou o acordo seis anos atrás.
"Devemos atender a emergência e fazer tudo o que está a nosso alcance para o fim da usurpação", afirmou o presidente da Assembleia Nacional e líder oposicionista, Juan Guaidó. A Assembleia Nacional havia aprovado o retorno da Venezuela ao TIAR em primeira votação em maio e confirmou isso na votação desta terça-feira. Em entrevista recente ao jornal espanhol El País, Guaidó descartou que a adesão ao TIAR tenha a ver com o uso da força, mas que ele principalmente "afeta questões de assistência humanitária".
Acadêmico e advogado especialista em resolução de conflitos, Andrés Mezgravis diz que a volta ao acordo permitiria que a Venezuela "solicitasse a conformação de uma coalizão de forças interamericanas", que poderia estar integrada por algum dos 17 membros do TIAR, entre os quais estão Estados Unidos, Brasil e Colômbia. Fonte: Associated Press.

Agência Estado