PUBLICIDADE
Mundo
NOTÍCIA

Domador de circo morre atacado por seus tigres no sul da Itália

Incidente aconteceu em uma pequena cidade no sul do país

16:45 | 05/07/2019
Treinador de tigre do circo italiano Maximus se apresentando em Budapeste  (Foto: Attila Kisbenedek/APF)
Treinador de tigre do circo italiano Maximus se apresentando em Budapeste (Foto: Attila Kisbenedek/APF)

Um domador de circo italiano morreu após ser atacado por seus tigres durante uma sessão de treinamento no município de Triggiano en Pulla (sul), informou nesta sexta-feira a imprensa local.

O domador veterano Ettore Weber, de 61 anos, que trabalhava no circo da família Orfei, estava ensaiando seu número nesta quinta com quatro tigres, quando um dos felinos lhe atacou e mordeu.

Os outros três tigres também se lançaram sobre o domador e continuaram a "brincar" com seu corpo durante vários minutos dentro da jaula, relataram testemunhas.

Os membros do circo e a equipe de resgate interviram para afastar os tigres, mas o domador não sobreviveu aos ferimentos.

O Ministério Público local abriu uma investigação sobre as circunstâncias da tragédia.

O circo Orfei, entre os mais conhecidos da Itália, chegou a Triggiani, perto de Bari, em 15 de junho e tinha programação até 14 de julho.

No fim de 2018, cerca de 40 países, entre eles, 20 da Europa, proibiram parcial ou totalmente o uso de animais selvagens em espetáculos de circo.