PUBLICIDADE
Mundo
NOTÍCIA

México proíbe Odebrecht de obter contratos públicos no país durante três anos

17:43 | 28/04/2019
A controladoria do México proibiu agências federais de contratarem a construtora brasileira Odebrecht e sua subsidiária mexicana durante três anos. Em comunicado nesta sexta-feira, o órgão afirmou que a subsidiária recebeu a sanção por apresentar informações falsas na modificação de um contrato, enquanto a Odebrecht foi punida por cobranças excessivas ao braço de refinaria da estatal local Pemex.
A companhia admitiu já ter pago US$ 800 milhões em propinas para conseguir contratos em vários países da América Latina.
Em 2016, a Odebrecht e a Braskem, uma subsidiária petroquímica, chegaram a um acordo com autoridades em três países. A Odebrecht disse na ocasião que pagou US$ 10,5 milhões em propinas a autoridades na Pemex. Até agora, ninguém foi processado no México por causa desses pagamentos.
Vários países latino-americanos têm usado provas da promotoria brasileira para processar autoridades de cada uma das nações, mas o México e a Venezuela são as exceções quanto a isso. Fonte: Associated Press.

Agência Estado