PUBLICIDADE
Mundo
NOTÍCIA

Sem mãos, criança estadunidense é bicampeã de caligrafia

Anaya Ellick, de nove anos, venceu o prêmio de escrita em 2016 e 2018

16:30 | 02/08/2018
NULL (Foto: )
NULL (Foto: )
[FOTO1]
A pequena Anaya Ellick, de apenas nove anos, ganhou, pela segunda vez, um grande concurso norte-americano de caligrafia. A diferença dela para as outras crianças é que Anaya nasceu sem as mãos. Ela venceu o Prêmio Especial Nicholas Maxim para Excelência em Caligrafia Cursiva, disputando com outros 50 estudantes.

De acordo com a Fox23 News, ela também venceu o Concurso Nacional de Escrita Zaner-Bloser, realizado há mais de 30 anos. A Greenbrier Christian Academy (GCA), escola particular no estado da Virgínia, nos Estados Unidos, celebrou as conquistas da estudante na época da premiação. 

"O que a faz tão especial é que Anaya nasceu sem as mãos e usa próteses", se posicionou a escola nas redes sociais na época da premiação. Para escrever, ela segura o lápis com o braço direito. Já com o esquerdo, ela segura a folha no melhor ângulo para conseguir escrever. 

A primeira vez que Anaya venceu o Prêmio Especial Nicholas Maxim foi em 2016, quando estava no primeiro ano. Hoje, ela faz o terceiro ano na GCA. Ela recebeu US$ 1 mil como premiação.

"Anaya é uma jovem extraodinária. Sua persistência continua a nos inspirar", disse o diretor da escola em que Ana estuda, Tracy Cox, na publicação oficial. "As conquistas de Anaya nos lembra o que determinação e trabalho duro podem alcançar. Estamos orgulhosos".[VIDEO1]
 
Redação O POVO Online 
TAGS