PUBLICIDADE
Notícias

Após chamar Deus de "estúpido", presidente das Filipinas é criticado

Os comentários do presidente foram feitos durante um discurso na TV

22:45 | 25/06/2018

O presidente das Filipinas, Rodrigo Duterte, chamou Deus de "estúpido" e foi alvo de críticas. Em um discurso televisionado na sexta-feira, 22, Duterte questionou a criação do homem.

"Quem é esse Deus estúpido? O filho da p... é então realmente estúpido", disse perguntando o motivo de criar Adão e Eva apenas para que se submetessem à tentação. As informações são do site G1.

Críticas vieram do senador da oposição Antônio Trillanes IV, que chamou o presidente de 'homem mau" e do bispo católico, Arturo Bates, que disse que o presidente era "louco". O bispo Ruperto Santos comentou que o presidente ultrapassou os limites.

Já o porta-voz do presidente disse que ele tem o direito de expressar sua opinião e que Duterte foi abusado sexualmente por um padre quando era estudante. 

 

Redação O POVO Online  

TAGS