PUBLICIDADE
Mundo
Rússia

Putin pede a Londres que esclareça envenenamento de ex-espião russo

13:49 | 12/03/2018

O presidente russo Vladimir Putin pediu nesta segunda-feira ao governo de Londres que esclareça o envenenamento de um ex-agente duplo russo no Reino Unido.

Indagado pela BBC sobre uma eventual responsabilidade da Rússia no envenenamento, Putin teria respondido, segundo as agências russas: "Esclareçam as coisas de seu lado, e depois falaremos com vocês". Pouco antes, porta-voz do Kremlin Dmitri Peskov, afirmou que o envenenamento "não é problema da Rússia". "Não é nosso problema.

O cidadão russo mencionado havia trabalhado para os serviços especiais britânicos, o incidente ocorreu em território britânico e não é de modo algum um problema da Rússia, nem de suas autoridades", declarou Peskov aos jornalistas.

"Não ouvi declarações de políticos britânicos de que a Rússia estaria envolvida", ressaltou Peskov, quando perguntado sobre as alegações da imprensa a respeito de uma eventual responsabilidade russa no caso. Serguei Skripal, de 66 anos, e sua filha Yulia, de 33 anos, foram encontrados inconscientes em 4 de março em Salisbury, sul do Reino Unido, onde o ex-espião vivia. Nesta segunda-feira, a primeira-ministra Theresa May fará uma declaração no Parlamento a este respeito.

AFP