PUBLICIDADE
Notícias

Creme para embranquecer pele, da Nivea, é alvo de crítica na África

Outdoors apresentam o cosmético com a ex-miss Nigéria, Omowunmi Akinnifesi, com os dizeres "para uma pele visivelmente mais clara"

23:40 | 19/10/2017
NULL
NULL

[FOTO1] 

A marca de produtos cosméticos Nivea está sendo criticada por uma propaganda de um produto anunciado na Nigéria, em Gana, em Camarões e no Senegal. Outdoors apresentam o cosmético hidrante "Natural Fairness" (clareza natural) com a ex-miss Nigéria, Omowunmi Akinnifesi, com os dizeres "para uma pele visivelmente mais clara". As informações são da BBC.

A mesma campanha tem comerciais para a TV, que mostram a modelo ficando com a pele mais clara após passar o creme. O anúncio foi duramente criticado nas redes sociais, com mulheres dizendo que "esse não é o jeito certo de fazer propaganda na África" e "não queremos pele mais clara".

[SAIBAMAIS] 

A Nivea já havia sido criticada no início do ano por uma propaganda de desodorante no Oriente Médio em que se via escrito "branco é pureza". A Beiersdorf, empresa dona da marca, emitiu um comunicado dizendo que reconhece as preocupações levantadas e que a intenção nunca foi ofender os consumidores.

"A Beiersdorf é uma empresa global, que oferece uma grande variedade de produtos que têm como finalidade abordar as diferentes necessidades de cada tipo de pele dos seus consumidores ao redor do mundo. Tendo conhecimento do direito de cada consumidor em escolher um produto de acordo com sua preferência, a empresa oferece diversas alternativas de produtos de alta qualidade para cuidados com a pele", afirma.

Redação O POVO Online

TAGS