PUBLICIDADE
Notícias

Presidente da Uber deixa cargo após apenas 6 meses

Jeff Jones era o segundo nome mais forte da empresa

11:55 | 20/03/2017
O presidente da Uber, Jeff Jones, deixou o cargo após ficar apenas seis meses na função. A mudança foi confirmada pela própria empresa de serviço alternativo de transporte, através de um comunicado publicado no domingo (19).
 
Jones era a segunda pessoa mais importante na direção da Uber, atrás de Travis Kalanick, cofundador e presidente-executivo. Ele vinha atuando na divisão de corridas compartilhadas desde agosto de 2016 e, antes, tinha sido diretor de marketing da rede de varejo Target.
 
De acordo com a imprensa internacional, a saída de Jones estaria relacionada às recentes polêmicas que a Uber se envolveu, como acusações de assédio sexual. Outro fator seria a intenção da Uber de contratar um chefe de operações (COO) para atuar lado a lado com Kalanick.
 
Em um comunicado aos funcionários, Kalanick comentou a saída de Jones explicando que "depois de anunciar nossa intençao de contratar um COO, Jeff chegou à difícil decisão de que ele não via seu futuro na Uber. Foi um infortúnio que isso tenha sido anunciado pela imprensa, mas eu achei que fosse importante enviar a todos vocês um e-mail antes de fazer um comentário público".
 
Agência ANSA  
TAGS