PUBLICIDADE
Notícias

Poeta canadense Leonard Cohen morre aos 82 anos

00:28 | 11/11/2016

Leonard Cohen, o notável músico e poeta canadense, considerado um dos artistas mais visionários de sua geração, faleceu aos 82 anos, anunciou nesta quinta-feira sua página no Facebook.
"É com profunda dor que comunicamos que o lendário poeta, compositor e artista Leonard Cohen faleceu. Perdemos um dos mais reverenciados e prolíficos visionários da música", diz o comunicado publicado no Facebook.
Uma cerimônia será organizada em Los Angeles, onde Cohen vivia, "em uma data a ser anunciada posteriormente", informa a nota, acrescentando que "a família pede que se respeite sua intimidade neste momento de luto".
Cohen lançou seu último álbum no mês passado, "You Want It Darker", no qual refletia sobre sua própria mortalidade.
Nascido na cidade de Montreal em 21 de setembro de 1934, Cohen se apaixonou cedo pela poesia e ainda jovem se tornou um dos poetas mais destacados do Canadá.
Se lançou na poesia com "Let Us Compare Mythologies", em 1956, o primeiro de mais de dez livros, incluindo os romances The Favorite Game, de 1963, e Beautiful Losers, de 1966.
Cohen se mudou para Nova Iorque em 1966, quando abraçou a música e deu início a uma prolífica carreira marcada por sucessos como "Hallelujah", "Suzanne", "I'm Your Man" e "So Long Marianne".
Após anunciar o fim da carreira, na década de 90, Cohen teve que voltar aos palcos em 2004, por razões financeiras, depois de sua agente desviar milhões de dólares.
Leonard Cohen foi comparado a Bob Dylan pela profundidade de suas letras.

[VIDEO1] 

TAGS