PUBLICIDADE
Notícias

Morre o último urso polar em cativeiro na Argentina

O urso, que era alvo de uma campanha do Greenpeace, foi levado dos Estados Unidos à Argentina há 23 anos.

09:43 | 04/07/2016
Arturo, um urso polar de 31 anos, o último que se encontrava em cativeiro na Argentina, morreu no domingo, no zoológico de Mendoza (oeste), que foi fechado ao pública depois da morte de dezenas de animais.
"Arturo foi um caso testemunho. Esperamos que seja o último urso polar preso em um zoológico de nosso país e que seu caso obrigue as autoridades a rever a situação das demais espécies exóticas que sobrevivem na mesma situação" afirmou Soledad Sede, porta-voz de Greenpeace em um comunicado.
O zoológico de Mendoza, que conta com 2.000 exemplares em 48 hectares, foi fechado ao público em meados de junho depois da morte de outros 64 animais entre dezembro e maio.
Investigações determinaram a presença de bactérias combinadas com as condições de lotação entre as causadas das mortes.
AFP

TAGS