PUBLICIDADE
Notícias

Japão e Estados Unidos apresentam acordo sobre materiais nucleares

08:20 | 02/04/2016
Os Estados Unidos e o Japão anunciaram que conseguiram remover e despachar uma grande quantidade de urânio altamente enriquecido e de combustíveis de plutônio, como parte de um projeto de pesquisa entre as duas nações. O objetivo é reduzir a quantidade desses materiais nucleares no mundo, como um esforço para evitar que grupos terroristas tenham acesso a estes produtos.

Segundo um comunicado do Departamento de Energia dos EUA, estes volumes representam "um dos maiores carregamentos" de tais materiais nucleares potentes já transportados internacionalmente. As autoridades não revelaram o destino da carga, citando preocupações de segurança. O projeto bilateral foi anunciada pelo presidente norte-americano Barack Obama e o primeiro-ministro japonês Shinzo Abe, na sexta-feira, na Cúpula de Segurança Nuclear.

Enquanto muitos países conseguiram reduzir seus estoques - alguns com a ajuda dos EUA -, temores cresceram sobre a possível acumulação de tais materiais na Coreia do Norte, Irã e outros países que têm demonstrado ambições nucleares. As autoridades também estão cada vez mais preocupadas com materiais perigosos caírem nas mãos de grupos terroristas como o Estado islâmico. Fonte: Dow Jones Newswires.

TAGS