PUBLICIDADE
Notícias

Ventos fortes afetam voos e provocam cancelamentos no Reino Unido e na França

14:20 | 28/03/2016
Fortes ventos afetaram voos no Reino Unido e no oeste da França nesta segunda-feira. O fenômeno causou problemas no cronograma dos voos, no transporte de ferry e também levou ao fechamento do Porto de Dover. Passageiros relataram que houve medo durante algumas tentativas de pouso em aeroportos de Londres, em meio aos fortes ventos causados pela tempestade Katie. Cerca de 130 voos nos aeroportos de Gatwick e Heathrow foram desviados ou cancelados.

Um passageiro, Dan Prance, disse à Britain's Press Association que os passageiros em seu voo de Budapeste até Gatwick estavam com tanto medo que muitos choraram quando o avião finalmente pousou, após ser desviado para Birmingham.

O Porto de Dover ficou fechado pelos ventos na manhã desta segunda-feira e os serviços de ferry que ligam a França ao Reino Unido foram suspensos. O porto já foi reaberto, mas há atrasos no transporte por ferry e também em outras embarcações, diante do mau tempo.

Cerca de 100 mil casas no Reino Unido ficaram sem eletricidade, por causa dos ventos de 170 quilômetros por hora em algumas regiões. O Escritório Meteorológico do país alertou para o risco de enchentes no sudoeste da Inglaterra e emitiu 136 alertas de enchente.

Várias pontes foram fechadas, por precaução. As condições das estradas eram perigosas e houve vários acidentes relacionados ao tempo ruim.

Na Bretanha, no oeste da França, 35 mil clientes ficaram sem energia por causa da tempestade, segundo uma autoridade regional. O serviço meteorológico francês advertiu para o risco de rajadas de vento de até 140 quilômetros por hora em áreas costeiras.

A polícia britânica continuava a investigar as circunstâncias da morte no sábado de Summer Grant, de 7 anos. Uma autópsia mostrou que a garota morreu com ferimentos múltiplos, após ser arrastada durante 150 metros pelos ventos. Fonte: Associated Press.

TAGS