PUBLICIDADE
Notícias

Magnata iraniano Babak Zanjani é condenado à morte por corrupção

"O tribunal reconheceu os três réus como 'corruptos da terra'", disse o porta-voz da autoridade judicial do Irã

08:11 | 06/03/2016
NULL
NULL
O influente empresário iraniano Babak Zanjani, julgado por corrupção e desvio de fundos, foi condenado à pena de morte, segundo declarou neste domingo o porta-voz da autoridade judicial Gholamhossein Mohseni-Ejeie. Mais dois empresários receberam a mesma condenação.

“O tribunal reconheceu os três réus como ‘corruptos da terra’”, disse o porta-voz. O termo utilizado por Gholamhossein é dado para classificar as pessoas envolvidas em crimes de grande impacto à sociedade, com pena de morte.

Zanjani foi detido em dezembro de 2013 e é acusado de ter desviado 2,8 bilhões de dólares em transações petrolíferas, burlando as sanções internacionais impostas ao Irã.

Babak é considerado um dos empresários mais ricos do Irã. Sua fortuna está estimada em US$ 14 bilhões.


Redação O POVO Online
com AFP

TAGS