PUBLICIDADE
Notícias

Dois contrabandistas sírios são condenados pela morte de garoto de 3 anos

10:30 | 04/03/2016
Um tribunal sentenciou dois contrabandistas sírios a quatro anos e dois meses cada de prisão por causa da morte do garoto Aylan Kurdi, de 3 anos, e de outras quatro pessoas, informou a imprensa estatal da Turquia nesta sexta-feira. A agência Anadolu disse que o tribunal condenou a dupla por tráfico de pessoas, mas inocentou a dupla das acusações de que as mortes tivessem ocorrido por negligência deliberada.

O irmão de Aylan, Galip, e a mãe, Rihan, estavam entre as cinco vítimas que se afogaram no ano passado, quando o barco em que estavam naufragou durante a jornada de Bodrum, na Turquia, até a ilha grega de Kos.

A imagem do pequeno Aylan sem vida, com a cara voltada para a areia em uma praia turca, chamou a atenção do mundo. A fotografia foi vista como uma ilustração da magnitude do sofrimento dos refugiados na atual crise. Fonte: Associated Press.

TAGS