PUBLICIDADE
Notícias

Argentina deixa canal de esquerda Telesur, camandado por Maduro

15:00 | 28/03/2016
A Argentina irá deixar o canal de TV Telesur, que possui sede em Caracas e é comandada pelo governo venezuelano de Nicolás Maduro. Além da Argentina e da Venezuela, Uruguai, Equador, Cuba Nicarágua e Bolívia são sócios da estatal.

O canal é conhecido por promover a política de esquerda na América Latina, como era o governo da ex-presidente Cristina Kirchner até o ano passado. A decisão já era aguardada por causa ideologia do canal não coincidir com o novo presidente Mauricio Macri, de centro-direita, e por ele já ter tido diversas discussões com Maduro. A Telesur foi lançada em 2005 pelo ex-presidente venezuelano Hugo Chávez.

A administração de Macri anunciou ontem que a Argentina iria retirar sua participação de quase 20% no empreendimento. O ministro argentino de Comunicação, Hermann Lombardi, disse que o país está deixando a TV porque foi excluído das decisões financeira e editorial. Fonte: Associated Press.

TAGS