PUBLICIDADE
Notícias

Aprovação de Macri cai de 62% para 53% na Argentina, diz consultoria

16:10 | 04/03/2016
O presidente argentino Mauricio Macri paga um preço salgado por algumas decisões que tomou desde que assumiu o governo, em dezembro, diz o consultor Hugo Haime. Levantamento de sua consultoria com cerca de mil eleitores mostra uma queda da aprovação do novo presidente da Argentina para 53%, de 62% quando foi eleito.

"É lógico que isso aconteça", disse Haime, citando a elevação da tarifa de eletricidade, a desvalorização cambial e a proposta de alta nos preços do gás como fatores de insatisfação. Fonte: Dow Jones Newswires.

TAGS