PUBLICIDADE
Notícias

Acordo para manter Reino Unido na UE é justo e deve ser aprovado, diz Juncker

10:40 | 03/02/2016
O acordo proposto para manter o Reino Unido na União Europeia é justo e precisa do apoio do Parlamento Europeu, disse nesta quarta-feira o presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker.

"O acordo proposto é justo para o Reino Unido e justo para os demais 27 membros e o Parlamento Europeu", disse Juncker, presidente do órgão executivo da UE, durante debate no Parlamento Europeu.

O rascunho do pacto, divulgado na terça-feira, responde a demandas por reformas na UE do primeiro-ministro britânico, David Cameron, antes de uma votação popular planejada no Reino Unido sobre se o país continua ou não no bloco.

O presidente da Comissão Europeia ajudou a moldar a proposta, que segundo autoridades pode convencer os cidadãos do Reino Unido a votar a favor de continuar na UE. Juncker disse que negociadores do Parlamento estarão presentes na discussão sobre o rascunho do acordo, em uma reunião nos dia 18 e 19, quando líderes da UE devem fechar o documento.

Os líderes dos principais blocos do Parlamento Europeu disseram que desejam o Reino Unido no bloco, mas desejam discutir alguns detalhes. Fonte: Dow Jones Newswires.

TAGS