PUBLICIDADE
Notícias

Paquistão encerra proibição de 3 anos do YouTube e permite versão local

19:25 | 18/01/2016
Um oficial paquistanês disse que o governo permitiu o acesso a uma versão local do YouTube depois de o site de compartilhamento de vídeos garantir que vai inserir filtros específicos do país para remover conteúdos "censuráveis".

O Paquistão proibiu o acesso ao YouTube em setembro de 2012 por disponibilizar um trailer de um filme norte-americano controverso, que provocou protestos mortais no mundo muçulmano. O filme "Innocence of Muslims" (Inocência dos Muçulmanos, em português) foi considerado blasfemo e depreciativo pelo seu retrato do profeta Maomé.

De acordo com o porta-voz da autoridade de Telecomunicações, Khurram Mehran, todas as instruções foram dadas e o site deve ser acessado em todo o país ainda hoje. Fonte: Associated Press.

TAGS