PUBLICIDADE
Notícias

Haiti adia novamente 2º turno das eleições presidenciais

23:05 | 22/01/2016
O segundo turno das eleições presidenciais do Haiti, que já havia sido adiado, foi novamente postergado, em meio a um profundo ceticismo público, enquanto os líderes do país tentam negociar uma solução para o que pode se tornar uma crise constitucional.

O presidente do Conselho Eleitoral Provisório, Pierre-Louis Opont, disse que o adiamento das votações do domingo ocorreu "em decorrência da violência pelo país". Nos últimos dias, um grande número de escritórios eleitorais foi incendiado, e a capital tem sido abalada por violentos protestos da oposição, que exige a suspensão do segundo turno.

O conselho não definiu uma nova data para a votação e não informou se um governo interino vai tomar posse após o dia 7 de fevereiro, quando o presidente Michel Martelly deixará o cargo.

Esperava-se que Martelly abordasse o assunto em um discurso à nação nesta noite, mas ele cancelou o pronunciamento sem dar um motivo. Em vez disso, funcionários do governo reuniram-se em um conselho de ministros para discutir a segurança e ordem pública.

Opositores go governo têm insistido que o primeiro turno da votação em 25 de outubro do ano passado foi marcado por uma grande fraude em benefício do candidato apoiado pelo atual presidente, o empresário Jovenel Moise. Supostamente, o segundo turno deveria ter acontecido no dia 27 de dezembro, e então foi remarcado para o próximo domingo, 24. Fonte: Associated Press.

TAGS