Forças de segurança da Índia enfrentam 2 homens armados em base militarNotícias do Mundo
PUBLICIDADE
Notícias


Forças de segurança da Índia enfrentam 2 homens armados em base militar

09:35 | 03/01/2016
Tropas das forças de segurança da Índia enfrentam neste domingo pelo menos dois homens armados em uma base militar localizada em área próxima à fronteira com o Paquistão, cerca de 36 horas depois de a mesma base ter sido atacada por um grupo de homens armados. A informação é de Rajiv Mehrishi, alto funcionário do governo indiano.

O ataque ocorrido na manhã de sábado deixou pelo menos 10 pessoas mortas, entre elas seis agentes de segurança e quatro dos integrantes do grupo que realizou a ofensiva. A base fica na cidade de Pathankot, a 32 quilômetros da fronteira com o Paquistão, no Estado de Punjab.

Na manhã deste domingo, as forças de segurança da Índia fizeram buscas para tentar encontrar suspeitos e explosivos na base. Segundo Rajiv Mehrishi, os dois homens encontrados parecem ter sido encurralados e "neutralizados". Os nomes dos homens ainda não foram divulgados pelas autoridades.

Um funcionário do Ministério do Interior da Índia, que pediu para não ser identificado, disse que a análise preliminar do governo sugeriu que o ataque pode ter sido planejado por Jaish-e-Mohammed, ou o Exército de Mohammed, um grupo militante baseado no Paquistão. O grupo não foi capaz de ser contactado.

O ataque de sábado representa um desafio para os recentes esforços de reconciliação entre os vizinhos, historicamente afastados. Ele ocorreu uma semana depois de o primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, ter feito uma visita surpresa ao Paquistão para se encontrar com o seu colega paquistanês, Nawaz Sharif. A viagem foi vista como uma tentativa de dar impulso a uma aproximação preliminar entre os países. Fonte: Associated Press e Dow Jones Newswires

TAGS