PUBLICIDADE
Mundo
NOTÍCIA

Erdogan diz que suicida em explosão em Istambul tem ligações com a Síria

10:25 | 12/01/2016
Um homem-bomba, aparentemente com ligações com a Síria, detonou os explosivos no bairro histórico de Sultanahmet, na cidade de Istambul, na Turquia, na manhã desta terça-feira, matando ao menos 10 pessoas e ferindo outras 15, disse o presidente turco, Recep Tayyip Erdogan.

"Condeno veementemente o incidente que ocorreu em Istambul, na Sultanahmet Square, e que foi avaliado como um ataque de um suicida com raízes na Síria", disse Erdogan.

Em declaração televisionada, Erdogan disse que turcos e estrangeiros estavam entre os mortos em Sultanahmet, localizado no coração de Istambul. Ele não forneceu detalhes.

A agência de notícias turca Dogan disse que pelo menos seis alemães, um norueguês e um peruano estão entre os feridos da explosão.

A União Europeia (UE) disse que está com a Turquia na luta contra "todas as formas de terrorismo". A chefe de política externa da UE, Federica Mogherini, disse que ambos os lados devem "intensificar os esforços para combater a violência extremista" e observou que estes esforços foram definidos como uma prioridade na cúpula realizada em novembro entre a UE e a Turquia, em Bruxelas.

Após a explosão, o primeiro-ministro turco, Ahmet Davutoglu, imediatamente convocou uma reunião de segurança com o ministro do Interior do país e outras autoridades.

Tal como aconteceu nos ataques anteriores, as autoridades barraram a mídia de mostrar imagens dos mortos ou feridos ou relatar quaisquer detalhes da investigação. Fonte: Associated Press.

TAGS