PUBLICIDADE
Notícias

Myanmar escolta barco com centenas de refugiados a bordo

14:49 | 02/06/2015
Embarcação havia encalhado após ser abandonada por traficantes de pessoas no Mar de Andaman. Trata-se possivelmente de migrantes de Bangladesh e da etnia muçulmana rohingya, perseguida em Myanmar, de maioria budista. O Ministério da Informação de Myanmar declarou nesta terça-feira (02/06) que a Marinha do país está escoltando um barco com 727 refugiados a bordo, encalhado no Mar de Andaman desde a última sexta-feira, para um local "seguro". O porta-voz da presidência do país Ye Htut confirmou a notícia. "A Marinha está cuidando do caso, não conhecemos os detalhes", disse, sem precisar o destino "por motivos de segurança". Segundo o porta-voz, a Marinha do país forneceu água e comida aos refugiados a bordo da embarcação. Ainda não se conhece a origem exata dos refugiados. Trata-se possivelmente de migrantes provenientes de Bangladesh e da etnia rohingya minoria muçulmana perseguida em Myanmar. As autoridades de Myanmar classificam os rohingya como "bengaleses", ou seja, cidadãos do país vizinho Bangladesh. Apesar de alguns deles viverem há gerações em Myanmar, o governo do Estado majoritariamente budista lhes nega a cidadania. Qualquer membro da etnia rohingya que deixar Myanmar é tratado como migrante ilegal, caso queira voltar. Abandonados em alto-mar Chris Lewa, da organização de ajuda humanitária Arakan Project, disse nesta terça-feira em Bangcoc que, desde 2012, 153 mil pessoas fugiram de Bangladesh e Myanmar. A maioria delas pretende chegar à Tailândia através da Malásia. Com o endurecimento do governo tailandês diante das gangues de traficantes humanos, diversos navios com refugiados foram deixados em alto-mar. Desde o início de maio, por volta de 1,8 mil pessoas chegaram à Indonésia, grande parte delas após uma travessia de meses em barcos superlotados. Outros 1,1 mil desembarcaram na Malásia, e 2,4 mil teriam voltado a Myanmar inclusive os 727 do barco escoltado pela Marinha do país, disse Lewa. CA/dpa/rtr
TAGS