PUBLICIDADE
Notícias

França: acontecimentos de hoje não significam saída da Grécia da zona do euro

16:20 | 27/06/2015
Após participar da reunião do Eurogrupo hoje, o ministro de Finanças da França, Michel Sapin, afirmou que o fim do programa de ajuda financeira à Grécia não significa necessariamente que o país deixará a moeda comum.

"O que aconteceu hoje não significa que a Grécia deixará a zona do euro", afirmou.

Uma turbulência poderá ser causada pela corrida aos bancos gregos, com os investidores preocupados quanto ao futuro do país no grupo. Em Atenas, longas filas já se formam em frente a caixas eletrônicos.

Diante dessa reação, muitas autoridades esperam que a Grécia aplique o controle de capitais, possivelmente ainda nesse fim de semana.

"Você viu o que aconteceu em Chipre", lembrou uma autoridade, referindo-se a outro país da zona do euro que limitou as retiradas e transferências de dinheiro em 2013, em meio a uma crise bancária.

Mas, comparado com Chipre, que implementou o controle de capitais como parte do programa de ajuda financeira de 10 bilhões de euros oferecido pela zona do euro e o Fundo Monetário Internacional (FMI), a situação da Grécia é muito mais grave. Muitos analistas alertam que o caos financeiro nas próximas semanas poderá obrigar o país a deixar o grupo. Fonte: Dow Jones Newswires.

TAGS