PUBLICIDADE
Notícias

Líder rebelde ucraniano diz que suas forças avançarão contra topas de Kiev

08:10 | 23/01/2015
O líder separatistas ucraniano Alexander Zakharchenko disse nesta sexta-feira que vai avançar contra as tropas de Kiev para expandir o controle dos rebeldes até a fronteira da região de Donetsk. Ele prometeu não fazer novas tentativas de negociações de paz, na medida em que a violência na região se intensifica, informou a agência de notícias Interfax.

"Vamos atacar a fronteira da região de Donetsk, mas se eu vir ameaças de outras direções, vamos liquidá-las", declarou Zakharchenko a um grupo de estudantes em Donetsk. "Não haverá mais esforços da nossa parte para conversar sobre cessar-fogo", acrescentou.

Não estava claro o quão amplo foi o avanço separatista. É preciso lembrar também que os dois lados do conflito costumam exagerar suas ambições militares em declarações públicas. Mas os combates se intensificaram dramaticamente nas últimas semanas. Na quinta-feira, Kiev cedeu o controle do simbólico aeroporto de Donetsk para forças rebeldes, após meses de confrontos pela instalação arruinada.

Os separatistas informaram também que 24 de seus combatentes no leste ucraniano foram mortos por um ataque com foguetes contra o aeroporto de Donetsk. O porta-voz rebelde Eduard Basurin declarou que o terminal foi atingido por forças do governo ucraniano.

Diplomatas da Rússia, Ucrânia, Ucrânia, França e Alemanha reuniram-se em Berlim na quarta-feira tentar determinar uma linha a partir da qual os dois lados retirariam seus armamentos pesados, mas não houve avanços. Fonte: Dow Jones Newswires e Associated Press.

TAGS