PUBLICIDADE
Notícias

Leipzig espera 100 mil em marchas pró e contra Pegida

12:40 | 21/01/2015
São esperadas 19 marchas contrárias e uma a favor do Legida, a versão da cidade para o movimento "anti-islamização" da Europa. Autoridades montam megaoperação de segurança, com até 4 mil policiais. Após o cancelamento de manifestações em Dresden, os protestos em Leipzig devem reunir 100 mil pessoas nesta quarta-feira (21/01), entre manifestantes contra e a favor do Legida, como é chamado o movimento Pegida (sigla em alemão para "Europeus patriotas contra a islamização do Ocidente") na cidade. A operação de patrulhamento é considerada uma das maiores desde a Reunificação do país e terá 4 mil policiais federais envolvidos, como afirmou o ministro alemão do Interior, Thomas de Maizière. As autoridades estimam que a manifestação marcada pelo Legida deve reunir entre 30 e 40 mil integrantes. Os organizadores esperam 60 mil participantes. Além disso, outros 19 protestos contrários ao Legida também foram marcados na cidade. A previsão é de que as marchas devem reunir juntas mais de 100 mil pessoas. Em Dresden, a manifestação do Pegida prevista para segunda-feira foi cancelada por "motivos de segurança". A última marcha do movimento na cidade, realizada no dia 12 de janeiro, reuniu aproximadamente 25 mil pessoas, cifra recorde até aqui. CN/dpa/rtr
TAGS