PUBLICIDADE
Notícias

É cedo para discutir exigências da Grécia para austeridade, diz ministro alemão

10:20 | 26/01/2015
É muito cedo ainda para discutir as exigências do futuro governo da Grécia para o fim de medidas de austeridade e o perdão de parte da dívida do país, afirmou hoje o ministro de Finanças da Alemanha, Wolfgang Schäuble.

"Vamos observar como o novo governo vê as coisas. Sabemos qual é a situação da Grécia, mas isso depende do governo grego. Não acho que tenhamos muito o que discutir hoje", disse Schäuble, ao chegar a Bruxelas para uma reunião com outros ministros de Finanças da zona do euro.

Ontem, o partido de oposição esquerdista Syriza venceu as eleições gerais da Grécia, num sinal da crescente insatisfação dos gregos com medidas de austeridade impostas a Atenas como parte de programas de resgate fechados com a Europa e o Fundo Monetário Internacional (FMI).

"O povo grego votou e o resultado é claro", disse Schäuble. Fonte: Dow Jones Newswires.

TAGS