PUBLICIDADE
Notícias

Obama pede US$ 6,2 bi ao Congresso para combate ao ebola

17:05 | 05/11/2014
O presidente americano, Barack Obama, pediu que o Congresso aprove US$ 6,2 bilhões em fundos de emergência para enfrentar a epidemia de ebola em sua origem, na África Ocidental, e para proteger os EUA contra a possível propagação do vírus.

Funcionários do governo afirmaram que US$ 2 bilhões seriam enviados para a Agência para Desenvolvimento Internacional dos EUA, US$ 2,4 bilhões iriam para o Departamento de Saúde e Serviços Humanos e outros US$ 1,5 bilhão seria destinados a um fundo de contingência.

O pedido é o primeiro de Obama após o resultados das eleições que marcam o início do período controlado pelos republicanos no Congresso. A Casa Branca pediu uma ação imediata, o que significa que quer a aprovação durante a atual sessão, enquanto os democratas ainda estão no controle do Senado.

Os republicanos têm sido especialmente críticos em relação à resposta doméstica à epidemia, condenando a coordenação com os estados e questionando as medidas de segurança.

O escritório do presidente da Câmara dos Representantes, John Boehner, disse que o pedido seria analisado. "Nós vamos continuar a trabalhar com os nossos membros e com a administração para garantir que estamos fazendo tudo o que podemos para proteger o público dessa doença mortal", afirmou o porta-voz de Boehner, Kevin Smith. Fonte: Associated Press.

TAGS