PUBLICIDADE
Notícias

Prêmio Nobel de Física vai para os inventores das lâmpadas de LED

Os três cientistas foram premiados pela "invenção de uma nova fonte de luz eficaz do ponto de vista energético e benéfica para o meio ambiente"

07:58 | 07/10/2014
NULL
NULL

Os japoneses Isamu Akasaki e Hiroshi Amano e o americano nascido no Japão Shuji Nakamura foram anunciados nesta terça-feira, 7, como os vencedores do Prêmio Nobel de Física pela invenção das lâmpadas de LED, que economizam energia.

Os três cientistas foram premiados pela "invenção de uma nova fonte de luz eficaz do ponto de vista energético e benéfica para o meio ambiente", afirma o júri do Nobel em um comunicado divulgado em Estocolmo.

[SAIBAMAIS 2]

Ao inventar as lâmpadas de LED (light-emitting diode, diodo emissor de luz), uma nova fonte de luz, "tiveram sucesso em um âmbito no qual todos haviam fracassado", destaca o júri, que chama a descoberta de "revolucionária".

 

[FOTO2]

 

 

 

 

 

 

 

 

Isamu Akasaki, de 85 anos, desenvolveu suas pesquisas com Hiroshi Amano, nascido em 1960, na Universidade de Nagoya.

Shuji Nakamura, nascido em 1954 no Japão, que trabalha atualmente na Universidade da Califórnia, trabalhou na mesma área em uma pequena empresa japonesa.

Os vencedores dividirão igualmente o prêmio de oito milhões de coroas suecas (1,1 milhão de dólares, 881.000 euros). A cerimônia de entrega acontecerá no dia 10 de dezembro em Estocolmo.

AFP

TAGS