PUBLICIDADE
Notícias

Estado Islâmico toma armas enviadas pelos EUA a Kobani

13:10 | 21/10/2014
Combatentes do grupo Estado Islâmico tomaram um carregamento de armas lançadas por aeronaves dos Estados Unidos que visava fortalecer os militantes curdos que defendem a cidade de Kobani, na fronteira da Síria com a Turquia.

O carregamento inclui granadas, munição e lança-foguetes, segundo vídeo publicado por um grupo de mídia fiel ao Estado Islâmicos. As imagens aparentam ser autênticas e ativistas consultados pelo Observatório Sírio de Direitos Humanos, baseado em Londres, confirmaram que as armas foram roubadas pelos extremistas islâmicos.

Segundo o observatório, o carregamento foi lançado pela coalizão liderada pelos Estados Unidos na manhã da segunda-feira, mas caiu nas mãos dos militantes que há quase um mês tentam tomar controle de Kobani. Pessoas leais ao Estado Islâmico postaram mensagens irônicas de agradecimento aos americanos, incluindo uma imagem com os dizeres "Time dos EUA".

A falha na entrega das armas foi mais um motivo para vergonha do que uma grande perda estratégica. Os extremistas já possuem milhões de dólares em equipamentos americanos, que foram capturados durante a retirada de tropas iraquianas em combates pelo território deste país, em junho.

Os integrantes do Estado Islâmico estão em disputa com os curdos que defendem o território e também com nações ocidentais aliadas que realizam bombardeios diários na região. Fonte: Associated Press.

TAGS