PUBLICIDADE
Notícias

Casas real britânico espera segundo filho

10:30 | 08/09/2014
O príncipe George não será filho único por muito tempo. Nesta segunda-feira, funcionários da realeza informaram que o príncipe William e a duquesa de Cambridge, Kate Middleton, esperam um segundo filho.

Assim como na primeira gravidez, Kate está sofrendo com enjoos no início da gestação, mas desta vez ela não precisou ser internada. A duquesa recebe tratamento em sua residência, o Palácio de Kensington. Ela cancelou um compromisso em Oxford para descansar e receber cuidados médicos.

A nova criança se tornará o quarto na linha de sucessão ao trono, o que coloca seu tio, o príncipe Harry, na quinta colocação. George, que tem 1 ano de idade, é o terceiro e provavelmente se tornará rei um dia. William, seu pai, é o segundo e o príncipe Charles, seu avô, o primeiro.

O Reino Unido mudou suas leis antes do nascimento de George para que o primeiro filho do casal se mantivesse na linha de sucessão independentemente de seu sexo. Antes da mudança, uma menina perderia seu lugar na linha de sucessão se um menino nascesse posteriormente.

William e Kate costumam expressar sua vontade de ter uma família maior.

O casal real e suas famílias estão "encantados" com a notícia sobre o novo bebê, disseram funcionários de Clarence House, o escritório do casal. O anúncio acontece após meses de especulações da mídia britânica e norte-americana a respeito do nascimento e um irmão ou irmã de George.

Após ser internada por causa dos enjoos na primeira gravidez, Kate se recuperou e deu à luz George em julho de 2013, sem maiores complicações.

O fato de ela estar sofrendo os mesmos sintomas novamente significam que a duquesa, de 32 anos, pode precisar de hidratação extra, medicamentos e nutrientes.

Segundo a agência de notícias britânica Press Association, a gravidez de Kate não passou da 12ª semana, que foi quando ela sentiu enjoos na primeira gravidez.

O primeiro-ministro David Cameron disse estar "encantado com a boa notícia de que eles estão esperando um bebê".

Funcionários reais disseram que ainda não sabiam se a duquesa conseguirá cumprir seus compromissos oficiais, o que inclui uma viagem a Malta entre 20 e 21 de setembro. Fonte: Associated Press.

TAGS