PUBLICIDADE
Notícias

Avião americano que não respondia a chamados cai em águas jamaicanas

Os detalhes sobre o acidente ainda são escassos, segundo a autoridade americana, que disse ''aguardar novas informações sobre a situação''

16:23 | 05/09/2014
NULL
NULL

Um pequeno avião monomotor americano que deveria aterrissar na Flórida caiu nesta sexta-feira, 5, na costa da Jamaica, após voar durante horas sem contato com os controladores de tráfego aéreo, anunciaram as autoridades jamaicanas.

A aeronave, um Socata TBM-700 de seis a sete lugares, caiu às 14h15 (15h15 de Brasília) cerca de 22 km ao norte de Port Antonio, na costa nordeste da ilha, indicou uma autoridade, acrescentando que "operações de busca e resgate estão em andamento".

O aparelho havia decolado pouco após as 8h de Rochester, no estado de Nova York, com destino a Naples, na Flórida. Mas teria "parado de responder aos chamados do controle de tráfego aéreo às 10h", segundo a Agência Federal de Aviação (FAA).

Em resposta, o Comando de Defesa Aeroespacial da América do Norte (Norad) enviou dois caças F-15 para escoltar o avião.

Os detalhes sobre o acidente ainda são escassos, segundo a autoridade americana, que disse "aguardar novas informações sobre a situação".

Segundo o canal americano NBC News, citando fontes oficiais anônimas, o piloto teria sido visto inconsciente no cabine. "Não sabemos quem estava a bordo e em que estado estão os passageiros", explicou à CNN o diretor do aeroporto de Naples, Ted Soliday.

 

AFP

TAGS