PUBLICIDADE
Notícias

Juros baixos podem gerar riscos, diz membro do BCE

08:05 | 06/07/2014
O membro do conselho Banco Central Europeu (BCE) Benoît Coeuré disse neste sábado que a atual política monetária acomodatícia da instituição, com juros próximos de zero, pode aumentar o risco de bolhas de ativos se for mantida por muito tempo. Segundo ele, o Banco de Compensações Internacionais (BIS, na sigla em inglês) está certo ao apontar para o risco de esse "dinheiro barato" gerar aumentos de preços exagerados em alguns ativos na zona do euro, criando um risco sistêmico quando essa bolha eventualmente estourar.

Apesar de o BIS ter sugerido aumento de juros para combater o risco de bolhas, Coeuré disse que o BCE não pretende adotar tal medida. "Nós estamos totalmente cientes desse risco. Teremos de lidar com ele e estamos prontos para isso, com outras ferramentas que temos a nossa disposição", afirmou durante uma palestra em Aix-en-Provence, na França. Ele também reconheceu que a promessa do BCE de manter os juros baixos por um longo período de tempo vai eventualmente levar a uma divergência entre as políticas monetárias do bloco com aquelas praticadas no Reino Unido e nos EUA.

Na semana passada, o presidente do BCE, Mario Draghi, já havia comentado que a melhor maneira lidar com a instabilidade financeira deveria ser priorizando o uso de ferramentas macroprudenciais - e não a política monetária - como regulamentação bancária e condições de crédito mais rígidas, por exemplo. Fonte: Dow Jones Newswires.

TAGS