PUBLICIDADE
Notícias

Japão aprova alívio a sanções contra a Coreia do Norte

01:00 | 04/07/2014
O gabinete de ministros do Japão concedeu a aprovação formal para aliviar as sanções sobre a Coreia do Norte. A decisão endossa o que o primeiro-ministro Shinzo Abe já havia anunciado ontem.

O alívio ocorre após o governo de Pyongyang prometer investigar novamente o destino dos japoneses sequestrados por norte-coreanos entre as décadas de 1970 e 1980. Em 2002, o governo de Pyongyang reconheceu que seus agentes sequestraram japoneses para treinar espiões. Os norte-coreanos devolveram cinco japoneses e afirmaram que os demais exigidos por Tóquio morreram ou nunca entraram no país.

O Japão proíbe que as embarcações da Coreia do Norte façam escalas nos portos, além de não permitir comércio com o país vizinho e a entrada de norte-coreanos em território japonês.

Mas, ontem, Abe disse estar satisfeito com o comitê criado pela Coreia do Norte para investigar o desaparecimento dos japoneses.

A decisão de Abe irá aliviar as restrições a viagens, permitir escalas de embarcações por motivos humanitários e afrouxar as exigências nos informes de transferência de dinheiro para o norte.

No entanto, funcionários do governo japonês ressaltaram que um afrouxamento nas sanções não dará um impulso econômico significativo para a Coreia do Norte nem reduzirá os esforços internacionais para punir e isolar a Coreia pelo desenvolvimento do programa nuclear.

A Coreia do Norte também enfrenta sanções da Organização das Nações Unidas (ONU) desde 2006. Entre as medidas está uma proibição a negociações de armamentos e congelamento de ativos. Fonte: Associated Press.

TAGS