PUBLICIDADE
Notícias

Avião de passageiros desaparece ao sobrevoar o Mali

10:23 | 24/07/2014
Voo AH5017 ia de Burkina Faso para a capital da Argélia, com ao menos 116 pessoas a bordo, na maioria franceses. Aparelho sumiu do radar 50 minutos após decolagem. Uma aeronave da companhia aérea Air Algerie desapareceu na madrugada desta quinta-feira (24/07) quando seguia para Argel. O contato com o radar se rompeu 50 minutos depois de o voo AH5017 partir de Ouagadougou, capital de Burkina Faso, na África Ocidental. Autoridades francesas afirmam que, no momento do desaparecimento, o aparelho sobrevoava o norte do Mali, em meio a chuvas pesadas. Segundo o Ministério dos Transportes de Burquina, entre os 110 passageiros e seis tripulantes encontravam-se 50 franceses, 24 burquinenses, seis libaneses, cinco canadenses, dois luxemburgueses, um suíço, um nigeriano, um camaronês e um malinês. Até o momento, a Air Algerie se limitou a informar que iniciou um plano de emergência. Sem confirmação oficial, a emissora de TV privada argelina El-Nahar noticiou, no entanto, que o avião teria caído nas proximidades de Niamey, capital do Níger. O norte do Mali é controlado por separatistas tuaregues. Fontes francesas rechaçam especulações que eles poderiam ter derrubado a aeronave de passageiros, por sequer dispor de armamentos com tal capacidade. O jato do tipo MD-83 fora fretado da espanhola Swiftair. A companhia sediada em Madri confirmou o desaparecimento e declarou estar investigando as circunstâncias do incidente, com o auxílio de equipes de resgate. Os MD-83 são produzidos desde a década de 1980 pela McDonnell Douglas, fabricante americana atualmente de propriedade da Boeing. AV/dpa/rtr/afp/ap

TAGS