PUBLICIDADE
Notícias

Usinas dos EUA terão de reduzir emissões em 30%

17:40 | 01/06/2014
A Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos (EPA, na sigla em inglês) divulgará amanhã uma proposta preliminar que busca reduzir em 30% as emissões de dióxido de carbono até 2030. A redução diz respeito às usinas existentes e tem como base os níveis de emissão de 2005, de acordo com duas pessoas que foram informadas sobre a regra. O corte em emissões é a peça principal na agenda de mudança climática do presidente Barack Obama.

A nova legislação deverá ser concluída daqui a um ano e dará flexibilidade aos Estados, que devem implementar as regras até junho de 2016. Os Estados poderão decidir como atingir as metas de redução: poderão criar ou fazer parte de programas de negociação de permissões, implantar mais energia renovável ou aumentar o uso de tecnologias com maior eficiência energética. Cada Estado terá padrões distintos de redução. A média nacional terá de atingir 25% até 2020 e 30% até 2030, disseram as fontes. A regra proposta se aplica a centenas de usinas de combustível fóssil nos EUA, incluindo cerca de 600 usinas de carvão, que serão as mais afetadas pela norma.

"A EPA vai divulgar sua proposta de redução da poluição por carbono na segunda-feira", disse o porta-voz da agência, Tom Reynolds. "Até lá, a agência não vai comentar sobre qualquer informação que possa ou não estar na proposta". Fonte: Dow Jones Newswires.

TAGS