PUBLICIDADE
Notícias

Chanceleres concluem diálogo na Venezuela

13:45 | 20/05/2014
Os facilitadores do conflito na Venezuela conseguiram uma aproximação entre o governo e a oposição, porém não conseguiram que as partes fixem uma data o reinicio dos diálogos.

Em um comunicado conjunto divulgado nesta terça-feira pelo Ministério das Relações Exteriores do Brasil, os facilitadores internacionais expressaram a sua vontade de ajudar a continuar com um diálogo que permita "um avanço na busca de soluções" aos problemas da Venezuela e pediram às partes que "reflitam" e definam um novo encontro em breve.

Os chanceleres da Colômbia, María Ángela Holguín, do Brasil, Luiz Alberto Figueiredo, e do Equador, Ricardo Patiño, e o núncio apostólico na Venezuela, monsenhor Aldo Giordano, finalizaram na noite de segunda-feira dois dias de diálogos para tentar reativar o processo de conversações suspendido há 15 dias.

Patiño afirmou na segunda-feira que "abrimos na Venezuela uma ponte da comunicação outra vez", porém não indicou que isso implica no desbloqueio do processo de diálogo.

O governo e a aliança opositora iniciaram em 10 de abril um processo de aproximação com um debate televisionado de quase seis horas. O diálogo é uma iniciativa da União das Nações Sul-Americanas (Unasul) que ajuda a pôr fim à crise que a Venezuela enfrenta desde fevereiro, quando o país foi sacudido por protestos nas ruas. Fonte: Associated Press.

TAGS