PUBLICIDADE
Notícias

Merkel: Rússia não ajuda a solucionar crise na Ucrânia

13:00 | 09/04/2014
A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, acusou a Rússia de não ajudar na resolução da crise na Ucrânia. Merkel também prometeu que Berlim apoiará o governo de Kiev na condução de seu próprio futuro.

Os comentários da chanceler foram feitos em um momento de tensão no Leste Europeu, depois que uma onda de protestos separatistas começou no fim de semana na Ucrânia. Os ativistas, que desejam se unir à Rússia, ocuparam prédios governamentais em algumas cidades e pediram novos referendos sobre independência de diferentes regiões do país, a exemplo do que aconteceu na Crimeia.

"A situação na Ucrânia permanece difícil. Infelizmente, há áreas em que não está claro como a Rússia contribui para a diminuição das tensões na situação", disse a dirigente. "Portanto, continuaremos a fazer o possível com o que sempre tivemos: usar canais de comunicação por um lado, mas também pedir que a Ucrânia tenha o direito de escolher seu próprio caminho de evolução. A Ucrânia precisa decidir seu destino sozinha e nós ajudaremos a Ucrânia".

A Rússia alertou sobre uma possível guerra civil no caso de autoridades da Ucrânia usarem força para agir contra ativistas separatistas pró-Moscou. Fonte: Dow Jones Newswires.

TAGS