PUBLICIDADE
Notícias

Economia da Rússia pode ter contração, diz ministro

14:00 | 28/03/2014
A economia da Rússia poderá registrar contração neste ano, se a fuga de capitais continuar nos níveis atuais, afirmou o ministro da Economia Alexei Ulyukayev.

No início desta semana, o Banco Mundial disse que a economia da Rússia provavelmente encolherá em 2014 se o conflito com a Ucrânia se agravar ainda mais, pois o impacto potencial da pressão ocidental sobre Moscou pode piorar o sentimento dos consumidores e das empresas e pode provocar um grande aumento de saídas de capital. Ulyukayev disse que a perspectiva do Banco Mundial é semelhante às expectativas de seu ministério.

Ulyukayev disse que o Produto Interno Bruto pode encolher 1,8% neste ano, se saídas líquidas de capitais chegarem a US$ 150 bilhões. O crescimento econômico é previsto em torno de 0,6%, se as saídas de capital chegarem a US$ 100 bilhões. O PIB pode crescer até 2% se saídas líquidas de capital ao longo de 2014 ficarem em cerca de US$ 70 bilhões. No primeiro trimestre deste ano, as saídas líquidas já somaram US$ 60 bilhões, disse Ulyukayev.

Além dos efeitos da fuga de capitais, o crescimento econômico também está encontrando dificuldades por causa do declínio da atividade de investimento. Ulyukayev disse que os investidores estão tomando uma postura de esperar para ver à medida que esperam que o Ocidente imponha mais sanções contra a Rússia. O ministro afirmou que ele, pessoalmente, acredita que nenhuma sanção "material" será imposta contra a Rússia. Fonte: Dow Jones Newswires.

TAGS