PUBLICIDADE
Notícias

Al-Qaeda confirma a morte do número dois no Iêmen

06:40 | 17/07/2013

DUBAI, Emirados Árabes Unidos, 17 Jul 2013 (AFP) - Al-Qaeda na Península Arábica (AQPA) confirmou a morte de seu número dois, o saudita Said al-Shehri, anunciada em janeiro pelas autoridades do Iêmen.

"Sheikh Saida al-Shehri, conhecido como Abu Sofian al-Azdi, morreu em um ataque de um avião sem piloto americano", anunciou Ibrahim al-Rubeish, dirigente da AQPA, em um vídeo disponibilizado em sites islamitas.

As autoridades iemenitas anunciaram em 25 de janeiro a morte do cofundador da AQPA, mas a rede não havia confirmado.

Said al-Shehri, um ex-detento de Guantánamo entregue às autoridades sauditas em 2007, entrou no programa de reabilitação criado por Riad para os cidadãos que retornavam da prisão americana, mas escapou para unir-se às forças da Al-Qaeda no Iêmen.

TAGS